Como poderei testemunhar para uma pessoa que pensa que o Evangelho é a minha opinião pessoal?

De Livros e Sermões Bíblicos

Recursos relacionados
Mais Por John Piper
Índice de Autores
Mais Sobre Evidence for the Faith
Índice de Tópicos
Recurso da Semana
Todas as semanas nós enviamos um novo recurso de autores como John Piper, R.C. Sproul, Mark Dever, e Charles Spurgeon. Inscreva-se aqui—Grátis. RSS.

Sobre esta tradução
English: How can I witness to a person who thinks the gospel is just my opinion?

© Desiring God

Partilhar este
Nossa Missão
Esta tradução é publicada pelo Traduções do Evangelho, um ministério que existe on-line para pregar o Evangelho através de livros e artigos disponíveis gratuitamente para todas as nações e línguas.

Saber mais (English).
Como podes Ajudar
Se você fala Inglês bem, você pode ser voluntário conosco como tradutor.

Saber mais (English).

Por John Piper Sobre Evidence for the Faith
Uma Parte da série Ask Pastor John

Tradução por Mónica Rodrigues

Review Você pode nos ajudar a melhorar por rever essa tradução para a precisão. Saber mais (English).



Como poderei testemunhar para uma pessoa que pensa que o Evangelho é a minha opinião pessoal?

Faria o que pudesse para direccionar as pessoas para a Bíblia e dizer: «Agora, quer acreditem ou não na Bíblia, precisam de saber que não estou a inventar estas coisas. Elas existem mesmo.»

É por isso que tento pregar de forma expositiva e chamo a atenção das pessoas para as palavras exactas das Escrituras: porque a Sagrada Escritura é fantástica! A Bíblia possui uma espécie de autoridade única. É uma espada que separa a alma do espírito e o osso da medula. Não é como as palavras de John Piper. A Bíblia tem a sua reivindição divina própria.

Portanto, quero direccionar as pessoas para a Bíblia e dizer: «OK, na vossa mente, o que estou a dizer pode não passar da minha opinião pessoal, mas pelo menos, vejam onde é que eu fui buscar isto na Bíblia.» E, em Segundo lugar, noutro estágio inferior eu diria: «Para dar crédito à Bíblia, gostaria de os convidar apenas a considerar o retrato de Jesus tal como está estabelecido em Mateus, Marcos, Lucas e João, e no resto do Novo Testamento. Vejam se o vosso encontro com Jesus Cristo o vindicará, ou não, como uma testemunha verdadeira e fiel destas coisas na vossa vida.»

Mas se as pessoas não a consultarem, ou seja, não olharem para a Bíblia e para Jesus comigo, então tudo o que me resta fazer por elas é rezar por elas à medida que vão partindo.